Você tem mania de adiar as tarefas? Se sim, não está sozinho. Muitos estudos revelam que todos procrastinamos, o que varia é a frequência com que deixamos as obrigações para depois. Isso, porém, não quer dizer que é um comportamento inalterável.
As pessoas realizadoras, via de regra, conseguem driblar melhor a procrastinação. A receita delas inclui a boa administração do tempo, motivação, autoconfiança e até mesmo um ambiente adequado de trabalho.
Para quem ainda está longe de vencer a batalha contra o “empurrar com a barriga”, aí vão cinco conselhos do especialista em gestão do tempo Christian Barbosa*.

1. De olho no alvo
Sem uma boa razão para se movimentar, ninguém consegue parar de adiar a vida. Para isso, o passo número 1 é determinar seus objetivos e prioridades. Nesse processo, fuja de metas vagas e abstratas. Com alvos não consistentes, você não conseguirá sair do comodismo ou da tendência à procrastinação.

2. Diminua a ambição
De nada adianta se encher de pretensões e abarrotar a agenda com metas gigantescas. Seja realista e dê um passo de cada vez.

3. Comece na primeira marcha
Escolha missões pequenas para espantar a tendência à procrastinação. Planeje seu dia de forma a fazer primeiro atividades de curta duração. Entrar em ação coloca você em ação e isso faz a adrenalina subir.

4. Revolucione as sinapses
Vencer a procrastinação exige um esforço mais profundo. É preciso revolucionar a maneira como você encara a vida e pensa.
O modelo mental não é uma estrutura fixa. Ele é construído ao longo de toda a vida e, por isso, pode ser reestruturado. Temos que trabalhar para mudá-lo e criar uma mente antecipada.

5. Aumente a adrenalina
Muitas vezes, as pessoas deixam de realizar algumas atividades porque estão cansadas. Isso pode significar que elas estão com baixos índices de adrenalina.
Os profissionais devem priorizar mais ações de equilíbrio em seu dia. E, novamente, começar a rotina com tarefas curtas e sequenciadas.

*Fonte Exame.com

Anúncios